[Resenha] William Shakespeare - Tragédias


Livro: William Shakespeare - Tragédias
Autor: William Shakespeare
Páginas: 397
Ano: 2003
"Ele tinha um gênio cheio de força e fertilidade, natural e sublime." Voltaire
"Ele criou homens como Prometeu, de uma estatura colossal." Goethe
"Ele é o historiador da eternidade." Renan
Estas são algumas das opiniões sobre Shakespeare, extraordinário autor de língua inglesa, considerado indispensável para qualquer um que se interesse por literatura.
Uma tarefa quase impossível! Fazer uma resenha de um livro que perdura por séculos e continua tendo o seu valor histórico, intelectual e famoso, nunca perdendo sua essência de um dos maiores escritores do Mundo! 

William Shakespeare - Tragédias, é uma obra impecável que trás suas três obras primas da literatura, "Romeu e Julieta", "Macbeth" e "Otelo, o mouro de Veneza". Confesso que dentre essas três obras, tinha até então uma afinidade maior com "Romeu e Juliete", mas conhecendo ainda mais as duas outras peças, pude notar o quão genial foi William Shakespeare. 

Shakespeare tem aquela essência de escrita que mistura o amor, com doses generosas de drama e pitadas de tragédias, todos devem conhecer o final do livro de Romeu e Julieta, fiquei admirado com as outras duas peças escrita por ele, não é atoa que é considerado um gênio de todos os tempos.

Dispensa comentários essa edição, achei divino! Capa dura, muito bem trabalhado e com ares daqueles livros dos séculos passados e dando todo um requinte durante a leitura, o problema são os espaçamentos e tamanho da fonte, achei muito pequenos, mas nada que atrapalhe. 

É uma viagem através do tempo, somos arrebatado através das suas três peças de teatros que até hoje são atuadas, em diversos lugares. Não vou me atentar em falar dessas três obras, fica para o leitor entrar de vez no universo shakespeariano.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua visita!
Volte Sempre!