Aulinha de Português - Presidente ou Presidenta???

Sou PT de coração, mas achei esse texto bastante humorado e resolvi postar. Texto escrito na época das eleições.


Por José Bones:
Tenho notado, assim como aqueles mais atentos também devem tê-lo feito, que a candidata Dilma Roussef e seus apoiadores, pretendem que ela venha a ser a primeira presidenta do Brasil, tal como atesta a propaganda política veiculada pelo PT na midia.
Presidenta?
Mas, afinal, que palavra é essa?
Bem, vejamos:
No português existem os particípios ativos como derivativos verbais.Por exemplo: o particípio ativo do verbos atacar é atacante, de pedir é pedinte, o de cantar é cantante, o de existir é existente, o de mendicar é mendicante...
Qual é o participio ativo do verbo ser? O participio ativo do verbo ser é ente. Aquele que é: o ente. Aquele que tem entidade. 
Assim, quando queremos designar alguém com capacidade para exercer a ação que expressa um verbo, há que se adicionar à raiz verbal os sufixos ante, ente ou inte.
Portanto, à pessoa que preside é PRESIDENTE, e não "presidenta", independentemente do gênero, masculino ou feminino. Se diz capela ardente, e não capela "ardenta"; se diz estudante, e não "estudanta"; se diz adolescente, e não "adolescenta"; se diz paciente e não "pacienta".
Um exemplo (negativo) seria:
"A candidata a presidenta se comporta como uma adolescenta pouco pacienta que imagina ter virado eleganta para tentar ser nomeada representanta. Esperamos vê-la algum dia sorridenta numa capela ardenta, pois esta dirigenta política, dentre tantas outras suas atitudes barbarizentas, não tem o direito de violentar o pobre português, só para ficar contenta."


Segundo o site http://www.folhape.com.br/index.php/noticias-geral/33-destaque-noticias/600777-e-agora-qual-o-uso-correto-presidente-ou-presidenta:

E agora, qual o uso correto: presidente ou presidenta?


Por Tatiana Notaro da Folha de Pernambuco
Com a eleição da candidata Dilma Rousseff, o brasileiro vai ter, pela primeira vez, uma mulher ocupando a presidência da Rupública. A partir de agora, é adequar o País à sua nova condição e ao correto uso do substantivo: presidente ou presidenta? Por isso, a Folha de Pernambuco procurou professores de Língua Portuguesa para explicar o uso mais adequado.
Segundo a professora Neide Mendonça, do Departamento de Letras da Universidade Católica de Pernambuco, gramaticalmente, o feminino de "presidente" é "presidenta". "Quem faz a língua é o povo. Eu acredito que vai haver rejeição em relação ao feminino do substantivo", diz a professora.
No caso da frase: "Dilma é a primeira mulher presidente do Brasil", onde o substantivo tem função morfológica de adjetivo no predicado, a regra é que a palavra fique no masculino para qualquer gênero do sujeito. Neide Mendonça explica que o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (VOLP), da Academia Brasileira de Letras, permite os dois usos.
Já a professora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Nelly Carvalho, explica que a norma canônica diz que "presidente" é um substantivo uniforme e, sendo assim, não tem variação de gênero. "Como em cliente. Ninguém fala clienta. Não existe a forma 'presidenta' dicionarizada", analisa Nelly.
Mas talvez a explicação mais elucidativa seja: como se trata de um cargo, não há variação de gênero. A professora da Faculdade Frassinetti do Recife (FAFIRE) e doutoranda em Linguística pela UFPE, Ângela Torres, também defende o uso do vocábulo "presidente". "A norma gramatical permite certas formações de femininos, mas um estudo recente da UFPE mostra que quando falamos de cargos, não tem haver variação. Diante disso, é esquisito chamar 'soldada', 'sargenta'. A língua permite, mas pelo perfil da sociedade, melhor optar pelo formato masculino para não haver mudança brusca. Usar 'a presidente' vai soar menos mal", explica. "Estamos em um momento de transição linguística, pode acontecer que haja uma adequação ao uso de 'presidenta', mas não podemos garantir", finaliza Ângela Torres. Seguindo a orientação das especialistas, a Folha de Pernambuco usará a forma no masculino.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua visita!
Volte Sempre!