[Resenha] A Mulher na Janela


Livro: Uma Garota na Janela
Autor: A. J. Finn
Páginas: 350
Ano: 2018
Comprar: Físico



Sinopse: Anna Fox mora sozinha na bela casa que um dia abrigou sua família feliz. Separada do marido e da filha e sofrendo de uma fobia que a mantém reclusa, ela passa os dias bebendo (muito) vinho, assistindo a filmes antigos, conversando com estranhos na internet e... espionando os vizinhos. Quando os Russells – pai, mãe e o filho adolescente – se mudam para a casa do outro lado do parque, Anna fica obcecada por aquela família perfeita. Até que certa noite, bisbilhotando através de sua câmera, ela vê na casa deles algo que a deixa aterrorizada e faz seu mundo – e seus segredos chocantes – começar a ruir. Mas será que o que testemunhou aconteceu mesmo? O que é realidade? O que é imaginação? Existe realmente alguém em perigo? E quem está no controle? Neste thriller diabolicamente viciante, ninguém – e nada – é o que parece. "A Mulher Na Janela" é um suspense psicológico engenhoso e comovente que remete ao melhor de Hitchcock.

A mulher na janela é um suspense maravilhoso de se ler, aquele tipo de livro que não queremos largar até chegar ao fim da história.

"Uma morta viva que vê a vida acontecer a seu redor, incapaz de participar dela."

Conheceremos a Dra. Ana Fox, psicóloga infantil, que após se separar tornou-se uma alcoólatra, agorafóbica e faz uso de seus medicamentos com bebida. Já que ela não sai mais de casa usa a internet como meio de ajudar as pessoas que tem a mesma fobia que ela, além de jogar xadrez e registrar a vida da vizinhança pelas lentes de sua Nikon. Devido a sua vida enclausurada ela alugou seu porão ao David que faz alguns serviços externo para ela.

"Minha cabeça é um pântano profundo e salobro, fatos e fantasias trocando abraços, confundindo-se uns com os outros."

Porém, um dia ela ver que tem novos  vizinhos, a família Russells. E fica interessada nessa família passando a observá-los com mais frequência. Até que em um momento de embriagues ela vê algo acontecer na casa de seus vizinhos, que a deixa um pouco mais perturbada.

"O álcool é um anestésico que nos permite enfrentar a cirurgia da vida."

Mas até que ponto ela consegue diferenciar o que é real do que é alucinação?
No decorrer da leitura vamos descobrindo mais sobre a vida da Ana, o que nos faz esclarecer alguns fatos da história. O livro tem uma escrita instigante e envolvente, os capítulos são datados, dando a impressão de que podemos estar lendo um diário. A capa possui um alto relevo e escrita do autor torna nossa leitura fluida, é um thriller maravilhoso de se ler.

[Séries] Bates Motel

Gente!!! Faz algum tempo que finalizei essa série e preciso confessar a vocês eu gostei bastante, apesar de não ter o final que eu esperava.
É uma série que tem uma história bem instigante e de grande complexidade psicológica.


Do que se trata?

A série é um "prólogo contemporâneo" para o filme Psycho de 1960 (baseado no romance de mesmo nome escrito por Robert Bloch), que retrata a vida de Norman Bates e de sua mãe Norma antes dos eventos retratados no filme de Alfred Hitchcock. A série começa depois da morte do marido de Norma, quando ela adquire um motel localizado em uma cidade costeira chamada White Pine Bay, localizada no estado de Oregon, nos Estados Unidos, para que ela e Norman possam começar uma nova vida.

A série tem 5 temporadas e já foi finalizada. 
Vamos conhecer alguns personagens.

Vera Farmiga como Norma Louise Bates - após fica viúva decide se muda para uma nova cidade e recomeçar a sua vida.


Freddie Highmore como Norman Bates - filho mais novo de Norma, inteligente, tímido e psicologicamente perturbado.

 

Max Thieriot como Dylan Massett - Filho mais velho de Norma e meio-irmão do Norman, um rapaz meio perdido e parece não ter um bom envolvimento com a mãe.


Olivia Cooke como Emma Decody - uma jovem que tem fibrose cística e se apaixona logo de cara pelo Norman 


Nicola Peltz como Bradley Martin - amiga de Norman por bondade, mas é surpreendida ao encontrar-se atraída por ele.


Keegan Connor Tracy como Senhorita Blair Watson - É a professora de linguagem artística na escola onde Norman estuda.


Nestor Carbonell como Sheriff Alex Romero - É o xerife de White Pine Bay, que também esconde alguns mistérios.


Kenny Johnson como Caleb Calhoun - É o irmão de Norma, com quem ela não tem contato desde a juventude.


Alguém assistiu?
O que achou?

[Resenha] A Casa dos Pesadelos


Livro: A Casa dos Pesadelos
Autor: Marcos DeBrito
Páginas: 139
Ano: 2018
Comprar: Físico



Sinopse: Dez anos depois de estar cara a cara com aquela assombração, Tiago finalmente concorda em voltar à mesma casa para visitar sua avó. Agora adolescente, ele pretende provar para si mesmo, que a terrível imagem que o aterrorizara nas madrugadas por tanto tempo, não passava de uma criação tenebrosa da infância. Mas, ao chegar no casarão, o jovem se depara com o misterioso quarto de seu falecido avô, agora mantido fechado, e tratado como espaço proibido. As restrições com relação ao aposento, as sensações e barulhos no meio da noite logo alimentam nele a suspeita de que algo terrível habita o local. Tomado por uma estranha coragem e desejo de ver-se finalmente livre do medo, tudo que o rapaz deseja é descobrir o que há por trás daquela porta. Então, o pesadelo toma novo impulso quando a figura sombria da infância mostra-se real novamente... mas, desta vez, ela quer atacar o seu irmão mais novo. Determinado a impedir que o caçula passe por terror semelhante, Tiago, mesmo apavorado, decide enfrentar a criatura. E o que descobre expõe terríveis segredos do passado que ninguém poderia imaginar.

Uma casa por fora convidativa e por dentro ela guarda seus mistérios. E nela mora Célia, vó do Tiago, que na sua visita à casa da avó teve pesadelos que o traumatizaram levando-o a não querer mais visitar sua avó, ele passou a frequentar o psicólogo na tentativa de uma melhora, mas se tornou um adolescente introspectivo e de pouco diálogos. 

"Gostaria de afastar as divagações sobre um passado confuso cuja lembrança o torturava, mas via-se indo direção ao epicentro da tormenta."

10 anos depois do acontecido ele resolve encarardes medo e junto com sua mãe Laura e seu irmão mais novo Bruno, vão passar uns dias na casa da avó. O medo ainda persiste em persegui-lo. Agora adolescente ele não quer muito diálogo com avó. O quarto proibido permanece trancado e sua mãe acaba contando a todos sobre o pesadelo do Tiago, o que deixa Bruno assustado e logo na primeira noite, seu irmão vê o mesmo mostro que ele.

"Não procure as lembranças que te incomodam só pra ficar remoendo os sentimentos ruins. Busque, ao menos, a recordação das coisas boas que esta casa deixou em você."

Decidido a não deixar seu irmão passar pelo mesmo trauma e acreditando que o mostro pode habitar o quarto trancado que era de seu avô, Tiago decide ir atrás e assim tentar acabar com esse trauma que tanto o persegue. E essa sua decisão trará grandes descobertas a cerca dessa família. 

"A infância é uma coisa que todos passam o resto da vida tentando superar.Você está longe de ser o único. O importante é que um trauma antigo não te impeça de ser um adulto normal."

É um livro de leitura fluída, que te leva a querer ler até descobrir o final dessa história, faz a gente imaginar várias possíveis finais e cria grandes expectativas que são atingidas. Além de que é uma bela edição, as páginas que tratam do passado da histórias são laranjas, ficou excelente essa mudança de tempo que nem precisa ser dita. 

[Filme] Meu Ex é um Espião

Essa comédia vale super a pena ser assistida, você vai rir do início ao fim, além de ver um pouco de ação.
Assim como a maioria dos filmes com espiões, esse também é bem previsível a diferença é que esse quem está no comando são as mulheres.


Sinopse: As melhores amigas Audrey (Mila Kunis) e Morgan (Kate McKinnon) embarcam numa atrapalhada aventura de espionagem pela Europa depois que o ex-namorado (Justin Theroux) da primeira revela-se um agente secreto caçado internacionalmente por assassinos.
Elenco: Mila Kunis, Sam Heughan, Justin Theroux, Kate McKinnon
Duração: 118 min
Diretor: Susanna Fogel
Distribuidora: Paris Filmes
Gênero: Comédia 
Classificação: 16 Anos

Assista ao Trailer:


Alguém assistiu?
O que achou?

[Unboxing] Turista Literário #26 (Julho)

Unboxing do Turista Literário do mês de julho, foi muito boa.


Confiram o vídeo! E não esqueçam de deixar um LIKE:


[Resenha] Heroínas


Livro: Heroínas
Autora: Laura Conrado, Pam Gonçalves e Ray Tavares
Páginas: 256
Ano: 2018
Comprar: Físico 

Sinopse: Não faltam heróis. Dos clássicos às histórias contemporâneas os meninos e homens estão por todo lugar. Empunhando espadas, usando varinhas mágicas, atirando flechas ou duelando com sabres de luz. Mas os tempos mudam e já está mais do que na hora de as histórias mudarem também. Com discussões feministas cada vez mais empoderadas e potentes, meninas e mulheres exigem e precisam de algo que sempre foi entregue aos meninos de bandeja: se enxergar naquilo que consomem.Este é o livro de um tempo novo, um tempo que exige que as mulheres ocupem todos os espaços, incluindo a literatura.Laura Conrado imaginou as Três mosqueteiras como veterinárias de uma ONG, que de repente contam com a ajuda de uma estudante que não hesita em levantar seu escudo para defender os animais.A Távola Redonda de Pam Gonçalves é liderada por Marina, que diante do sumiço do dinheiro que os alunos de sua escola pública arrecadaram para a formatura, desembainha a espada e reúne um grupo de meninas para garantirem a festa que planejaram.E Roberta é a Robin Hood de Ray Tavares. Indignada com a situação da comunidade em que vive, a garota usa sua habilidade como hacker para corrigir algumas injustiças.Este é um livro no qual as meninas salvam o dia. No qual elas são o que são todos os dias na vida real: heroínas. Finalmente.
O livro é composto por três contos, uma readaptação dos clássicos Os três mosqueteiros, a Távola Redonda e Robin Hood. Esses contos foram rescritos com os personagens na versão feminina e trazidos para o contexto de nossa atualidade, eles têm como temas centrais a amizade, união, sexualidade e política. 

"A vida é assim: cada um faz o que dá conta em determinado momento da vida, conforme a sua consciência."

No primeiro conto “Uma por todas e todas por uma”, iremos conhecer a história da Daniela d’Artagnan, uma jovem que sonha em se tornar veterinária e deseja iniciar seus trabalhos na ONG Mosqueteiros e apesar da tentativa de início não ser positiva, ela acaba conhecendo uma das responsáveis pelas as atividades da ONG e faz amizade com ela. E junto com as outras garotas responsável pela Mosqueteiros elas vão tentar salvar a ONG de ser fechada. 

"Mas nem tudo é frio, afinal nossa relação tem um gosto bom, um sabor único que não se encontra por aí."

O segundo conto “Formandos da Távola redonda” conta a história da Marina, uma jovem que está finalizando o terceiro ano do ensino médio e além de ter que da conta com as responsabilidades da escola, ela terá que da conta do Enem, dos vestibulares e será convocada pela diretora da escola a montar uma comissão de formatura e tentar fazer com que a formatura de fato aconteça após terem o dinheiro que seria investido roubado. Marina decide convocar mais 5 meninas para ajudá-la, só que além de tudo isso ela se ver num relacionamento fadado a um possível fracasso. 

"Por favor, não me peça para deixar de dar importância pra algo que realmente é importante pra mim. Uma das poucas coisas que ainda é importante pra mim."

No terceiro e último conto “Robin, a proscrita”, iremos conhecer a história de Roberta Horácio, filha adotiva dos Horácios, uma família pobre que tentava ter filhos mas não conseguia. E acaba adotando-a pois a deixaram num cesto em sua porta. Essa jovem se torna uma justiceira, que desviava dinheiro do rico pastor da comunidade de Selva de Pedra através do computador e redistribuía o dinheiro fazendo bem a comunidade, uma forma de se vingar pelo mal que ele fez a ela e ajudar aqueles que precisavam. 

"Eu não consigo pensar com você encostando em mim, e a única coisa que faço bem nessa vida é pensar"

O livro conta com uma bela diagramação, a escrita é fluída para quem curte algo mais jovem, em alguns momentos eu achei monótono, mas indico e recomendo sim que leiam.

[Séries] Os 13 Porquês

Há alguns dias atrás eu terminei de assistir a série Os 13 Porquês, evitei ler o livro e vinha evitando assistir a série porque as pessoas ao meu redor me diziam que eu não deveria assistir.
Enfim...
É uma série que vale muito a pena ser vista, ela mostra questões como bullying, assédio sexual, solidão, além de diversas outras questões bem sérias que devem ser debatidas com frequência, uma delas é o suicídio.


Do que se trata?

Baseada no livro Thirteen Reasons Why (2007), de Jay Asher, e adaptado por Brian Yorkey para a Netflix. A série gira em torno de uma estudante que se mata após uma série de falhas culminantes, provocadas por indivíduos selecionados dentro de sua escola. Uma caixa de fitas cassetes gravadas por Hannah antes de se suicidar relata treze motivos pelas quais ela tirou sua própria vida.

A série estreou em março de 2017 e teve sua terceira temporada renovada para 2019, assistir as duas temporadas e fiquei me perguntando o que eles farão na terceira.

Mas vamos conhecer alguns personagens principais:

Dylan Minnette como Clay Jensen - com quem Hannah estava conectada e se apaixonou. Clay não era para estar na lista, mas ela mandou as fitas porque lamentou nunca ter tido a oportunidade de conhecê-lo melhor. 


Katherine Langford como Hannah Baker - Jovem que deixou as fitas após o suicídio. 


Christian Navarro como Tony Padilla - primeiro a receber as fitas, ficando responsável de garantir que elas seriam escutadas e passadas adiante por todos os envolvidos.


Alisha Boe como Jessica Davis - é a primeira amiga de Hannah, que com o tempo se afasta dela.


Brandon Flynn como Justin Foley - Primeiro amor de Hannah na escola, com uma vida familiar conturbada, é dependente do melhor amigo, Bryce, ajudando a encobrir os seus crimes. 


Justin Prentice como Bryce Walker - Melhor amigo de Justin e um dos piores personagem da série.


Miles Heizer como Alex Standall - Se torna amigo da Hannah e da Jessica e ao começar a namorar com a Jessica eles se afastam da Hannah.



Esses são alguns dos personagens da série e tem muito mais.
Quem já assistiu? 
O que achou?

[Resenha] Livro do bem - Gratidão


Livro: Livro do Bem - Gratidão
Autora: Ariane Freitas & Jéssica Grecco
Páginas: 223
Ano: 2018
Comprar: Físico

Sinopse: Este é um livro especial, porque é sobre uma prática que vai mudar sua vida: a gratidão. É oportunidade de aprender a se conectar melhor com o mundo exterior e desenvolver sua atenção e sua respiração para que sua vida se torne mais leve. É, também, a chance de olhar com mais carinho para os momentos da sua vida e perceber o quanto ela é incrível – ainda que você, muitas vezes, deixe isso passar batido.Este é um livro sobre tudo o que você sente e como reage a cada acontecimento vivido. E ele só estará pronto quando você preenchê-lo com sua rotina e as suas verdades. Será que você tem vivenciado a gratidão – não a palavra bonita, conhecida e adorada por tantas pessoas –, o sentimento real? Venha descobrir com a gente!E fica aqui um convite: fotografe e publique tudo o que você fizer neste livro nas redes sociais com a tag #LivroDoBem. Porque tudo o que é do bem merece ser compartilhado!

Sabe aquele livro que te marca, que faz você pensar na sua vida, nos momentos em que você já viveu e vive?
Aquele livro que te leva a meditar sobre pequenos aspectos da nossa vivência e que podemos tornar grandioso? 

"O segredo é AGRADECER por aquilo que você tem e PLANEJAR o que você busca, fazendo sempre o melhor, sem se comparar com os outros."

Esse o livro da gratidão, um livro interativo e bem diversificado, não importa se você vai começar da primeira página, do meio do livro ou do final. A ordem dos fatores não irão alterar, nele encontraremos dicas sobre como demonstrar mais gratidão, playlist com músicas diversificadas, receitinhas básicas pra usar no dia a dia, frases inspiradoras e bastante atividade para fazermos exercitar a gratidão, pelas coisas que temos e que não temos. 

"Você pode escolher sorrir e seguir em frente ou chorar por algo que não vai mudar."

A diagramação está maravilhosa, cada página você encontrar uma arte diferente para te inspirar. 
Recomendo que a leitura seja feita lentamente para que possa curti e degustar cada página e assim sua experiência seja completa.

[Filme] Hotel Transilvânia 3 - Férias Monstruosas

Terceiro filme do Hotel Transilvânia e dessa vez a família irá sair de férias, eles deixarão o hotel e irão para um cruzeiro, com direito a praias com banho de lua e tudo que um cruzeiro pode oferecer. Mas diferente da animação anterior, dessa vez o foco é no Drácula (Adam Sandler) que está em busca de uma companheira, chegando até a utilizar o "Tinder" dos monstros, mas sem sucesso e nessa viagem ele irá se apaixonar. O vilão é deixado bem claro nas primeiras cenas e é bem previsível o rumo que a história irá seguir, mas é uma animação muito divertida de assistir. E a batalha final é recheada de música. Não é um filme para adultos, na realidade dessa vez a é um filme feito de fato para criança, sem muita piadas de duplo sentido ou alguma moral no final da história. Só diversão!


Sinopse: Agora que Dennis, o neto de Drácula, é um completo vampiro, as coisas não poderiam estar melhores no Hotel Transilvânia, até que um milionário ganancioso ameaça destruir a propriedade para construir um resort e a família de Drácula e os monstros precisam se unir para garantir que ele nunca complete os seus planos.
Duração: 95 min
Diretor: Genndy Tartakovsky
Distribuidora: Columbia Tristar
Gênero: Animação 
Classificação: Livre

Assista ao Trailer:


Alguém assistiu?
O que achou?

Resultado da Bienal de SP

A Bienal aconteceu de 3 a 13 de agosto de 2018 em São Paulo, no Pavilhão do Anhembi e eu tive a oportunidade de fazer parte desse evento, tanto como autora como visitante.
E fiz algumas comprinhas e vocês podem conferir no vídeo aqui em baixo.
Ah! E não esquece de deixar seu like e se inscrever no canal.


EMMY 2018 - Confiram os indicados


Vocês ficam também ansiosos para o Emmy? Confesso que estou, pois acompanho algumas dessas séries.
Para quem não sabe, o Emmy é um evento que premia os melhores da televisão norte-americana e também de outros países. Lembrando que o evento irá acontecer hoje. 
Confiram os indicados desse ano:

Melhor Série de Drama


Stranger Things
Game of Thrones
The Crown
The Handmaid’s Tale
This Is Us
Westworld
The Americans

Melhor Série de Comédia


Atlanta
Black-ish
Silicon Valley
Unbreakable Kimmy Schmidt
The Marvelous Mrs. Maisel
Curb Your Enthusiasm
GLOW
Barry

Melhor Telefilme


Black Mirror: USS Callister
Paterno
The Tale
Fahrenheit 451
Flint

Melhor Minissérie ou Série Limitada


The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story
Godless
Patrick Melrose
The Alienist
Genius: Picasso

Melhor Ator em Série de Drama


Matthew Rhys (The Americans)
Sterling K. Brown (This Is Us)
Milo Ventimiglia (This Is Us)
Jeffrey Wright (Westworld)
Jason Bateman (Ozark)
Ed Harris (Westword)

Melhor Atriz em Série de Drama


Claire Foy (The Crown)
Elisabeth Moss (The Handmaid’s Tale)
Evan Rachel Wood (Westworld)
Keri Russell (The Americans)
Sandra Oh (Killing Eve)
Tatiana Maslany (Orphan Black)

Melhor Ator Coadjuvante em Série de Drama


David Harbour (Stranger Things)
Mandy Patinkin (Homeland)
Peter Dinklage (Game of Thrones)
Nikolaj Coster-Waldau (Game of Thrones)
Joseph Fiennes (The Handmaid's Tale)
Matt Smith (The Crown)

Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Drama


Ann Dowd (The Handmaid's Tale)
Alexis Bledel (The Handmaid’s Tale)
Yvonne Strahovski (The Handmaid’s Tale)
Millie Bobby Brown (Stranger Things)
Thandie Newton (Westworld)
Lena Headey (Game of Thrones)
Vanessa Kirby (The Crown)

Melhor Ator Convidado em Série de Drama


Ron Cephas-Jones (This Is Us)
Gerald McRaney (This Is Us)
Matthew Goode (The Crown)
Cameron Britton (Mindhunter)
F. Murray Abraham (Homeland)
Jimmi Simpson (Westworld)

Melhor Atriz Convidada em Série de Drama


Samira Wiley (The Handmaid's Tale)
Diana Rigg (Game of Thrones)
Cicely Tyson (How to Get Away with Murder)
Cherry Jones (The Handmaid's Tale)
Viola Davis (Scandal)
Kelly Jenrette (The Handmaid's Tale)

Melhor Ator em Série de Comédia


Anthony Anderson (Black-ish)
Donald Glover (Atlanta)
William H. Macy (Shameless)
Larry David (Curb Your Enthusiasm)
Bill Hader (Barry)
Ted Danson (The Good Place)

Melhor Atriz em Série de Comédia


Pamela Adlon (Better Things)
Allison Janney (Mom)
Lily Tomlin (Grace & Frankie)
Tracee Ellis Ross (Black-ish)
Rachel Brosnahan (The Marvelous Mrs. Maisel)
Issa Rae (Insecure)

Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia


Alec Baldwin (Saturday Night Live)
Louie Anderson (Baskets)
Tituss Burgess (Unbreakable Kimmy Schmidt)
Brian Tyree Henry (Atlanta)
Henry Winkler (Barry)
Tony Shalhoub (The Marvelous Mrs. Maisel)
Kenan Thompson (Saturday Night Live)

Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Comédia


Kate McKinnon (Saturday Night Live)
Leslie Jones (Saturday Night Live)
Alex Borstein (The Marvelous Mrs. Maisel)
Megan Mullally (Will and Grace)
Zazie Beetz (Atlanta)
Betty Gilpin (GLOW)
Laurie Metcalf (Roseanne)
Aidy Bryant (Saturday Night Live)

Melhor Ator Convidado em Série de Comédia


Donald Glover (Saturday Night Live)
Lin-Manuel Miranda (Curb Your Enthusiasm)
Bill Hader (Saturday Night Live)
Bryan Cranston (Curb Your Enthusiasm)
Sterling K. Brown (Brooklyn Nine-Nine)
Katt Williams (Atlanta)

Melhor Atriz Convidada em Série de Comédia


Jane Lynch (The Marvelous Mrs. Maisel)
Tina Fey (Saturday Night Live)
Tiffany Haddish (Saturday Night Live)
Wanda Sykes (black-ish)
Maya Rudolph (The Good Place)
Molly Shannon (Will & Grace)

Melhor Ator em Série Limitada ou Telefilme


Darren Criss (The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story)
Antonio Banderas (Genius: Picasso)
Benedict Cumberbatch (Patrick Melrose)
Jeff Daniels (The Looming Tower)
John Legend (Jesus Christ Superstar)
Jesse Plemons (Black Mirror: USS Callister)

Melhor Atriz em Série Limitada ou Telefilme


Jessica Biel (The Sinner)
Michelle Dockery (Godless)
Sarah Paulson (American Horror Story: Cult)
Edie Falco (Law & Order True Crime: The Menendez Murders)
Laura Dern (The Tale)
Regina King (Seven Seconds)

Melhor Ator Coadjuvante em Série Limitada ou Telefilme


Jeff Daniels (Godless)
Brandon Victor Dixon (Jesus Christ Superstar)
Michael Stuhlbarg (The Looming Tower)
Edgar Ramírez (The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story)
Ricky Martin (The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story)
Finn Wittrock (The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story)
John Leguizamo (Waco)

Melhor Atriz Coadjuvante em Série Limitada ou Telefilme


Penélope Cruz (The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story)
Judith Light (The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story)
Merritt Wever (Godless)
Adina Porter (American Horror Story: Cult)
Letitia Wright (Black Mirror: Black Museum)
Sara Bareilles (Jesus Christ Superstar)

Melhor Direção em Série de Drama


Stranger Things "The Gate", Ross e Matt Duffer
Game of Thrones "Beyond the Wall", Alan Taylor
Game of Thrones "The Dragon and the Wolf", Jeremy Podeswa
The Crown "Paterfamilias", Stephen Daldry
The Handmaid's Tale, "After", Kari Skogland
Ozark, "The Toll", Jason Bateman
Ozark "Tonight We Improvise", Daniel Sackheim

Melhor Direção em Série de Comédia


Atlanta "FUBU", Donald Glover
Silicon Valley "Initial Coin Offering", Mike Judge
Atlanta "Teddy Perkins", Hiro Murai
Silicon Valley "Chief Operating Officer", Jamie Babbit
The Marvelous Mrs. Maisel, "Pilot", Amy Sherman-Palladino
Barry, "Make Your Mark", Bill Hader
The Big Bang Theory, "The Bow Tie Symmetry", Mark Cendrowski

Melhor Direção em Série Limitada ou Telefilme


American Crime Story, "The Man Who Would Be Vogue",  Ryan Murphy
Godless, Scott Frank
Twin Peaks, David Lynch
The Looming Tower, "9/11", Craig Zisk
Jesus Christ Superstar, David Leveraux e Alex Rudzinki
Paterno,  Barry Levinson
Patrick Melrose, Edward Berger

Melhor Roteiro em Série de Drama


The Handmaid's Tale, "June", Bruce Miller
The Americans, "START", Joel Fields e Joe Weisberg
Stranger Things, "The Gate, Ross e Matt Duffer
The Crown, "Mystery Man", Peter Morgan
Game of Thrones, "The Dragon and the Wolf", David Benioff e D. B. Weiss
Killing Eve, "Nine Face", Phoebe Waller-Bridge

Melhor Roteiro em Série de Comédia


Atlanta, "Alligator Man", Donald Glover
Atlanta, "Barbershop", Stefani Robinson
Silicon Valley, "Fifty-One Percent", Alec Berg
The Marvelous Mrs. Maisel, "Pilot", Amy Sherman-Palladino
Barry, "Make Your Mark", Alec Berg e Bill Hader
Barry, "Loud, Fast And Keep Going", Liz Sarnoff

Melhor Roteiro em Série de Limitada ou Telefilme

American Crime Story "Creator/Destroyer", Tom Rob Smith e Maggie Cohn
Godless, Scott Frank
American Crime Story "House By The Lake", Tom Rob Smith
Twin Peaks, David Lynch e Mark Frost
American Vandal, "Clean Up", Kevin McManus e Matthew McManus
Patrick Melrose, David Nicholls

Melhor Programa de Esquetes


Saturday Night Live
Portlandia
Drunk History
Tracey Ullman’s Show
I Love You, America
At Home with Amy Sedaris

Melhor Programa de Variedade


Full Frontal with Samantha Bee
Jimmy Kimmel Live!
Last Week Tonight
The Daily Show with Trevor Noah
The Late Late Show with James Corden
The Late Show with Stephen Colbert